Sexta, 17 DE setembro DE 2021

Aplicativos de entregas durante a pandemia estão crescendo

O mercado de aplicativo de entregas está em ascensão há pelo menos 10 anos, data em que foi criado o gigante do ramo aqui no Brasil, o Ifood e revolucionou a maneira de se pedir delivery de comida.  

Publicado em:

17 de
mar
Categorias: Business.

 



O mercado de aplicativo de entregas está em ascensão há pelo menos 10 anos, data em que foi criado o gigante do ramo aqui no Brasil, o Ifood e revolucionou a maneira de se pedir delivery de comida.  

Com a pandemia em 2020 juntamente ao avanço da tecnologia, a percepção geral é que houve um aumento de proporções épicas na procura por aplicativo de entregas para restaurantes que oferecem esse tipo de serviço. Em maio do ano passado, a estimativa foi de 80% de crescimento em todo o país.

Medidas de isolamento social influenciaram nos números expressivos de downloads


Logo no início da quarentena em 2020, foram instituídas medidas de isolamento social em todo o país e muito divulgado que as pessoas deixassem de sair de suas casas a fim de se isolarem por conta do coronavírus. Segundo dados de pesquisa da AppsFlyer, de 13 de março até 17 de abril, os downloads desse tipo de aplicativo de entregas aumentou cerca de 78% e foi crescendo gradativamente desde então.

 

Muitos restaurantes, cafés, bares e lanchonetes que antes trabalhavam com atendimento ao público tiveram de se adaptar com o novo sistema delivery e migraram para esses aplicativos a fim de também evitar a disseminação da Covid-19 aos clientes, funcionários e entregadores.

Aplicativo de entregas - Como higienizar embalagens?


Especialistas informam que o ideal é colocar em um pulverizador, uma solução com duas colheres de sopa de água sanitária por litro de água e espirrar em plástico, inox ou alumínio, superfícies onde o vírus pode sobreviver por um tempo maior.

 

Também recomenda-se que alimentos prontos sejam aquecidos por pelo menos 30 segundos no micro-ondas para que sejam eliminados possíveis micro-organismos.

 

Outra vantagem prática e segura que os aplicativos de entrega oferecem é a opção de realizar os pagamentos por cartão de crédito online ou pix, sem necessidade de entrar em contato com terceiros, para isso, eles disponibilizam o cardápio digital também.

Crescimento também de trabalhadores pelo aplicativo


Como o aumento de downloads e cadastro de empresas nesses aplicativos foi bastante expressivo e a demanda de trabalho também aumentou consideravelmente, foi percebida também uma crescente no número de entregadores registrados nessas plataformas.

 

A empresa de entregas do Pão de Açúcar, James, percebeu um aumento de 50% no número de pedidos de entregas na semana de 15 a 21 de março de 2020, enquanto o número de adesão de colaboradores também teve um aumento de adesão de 35%.

 

Já a empresa Eu entrego responsável por conectar lojas e supermercados a profissionais autônomos a fazerem entregas com veículos próprios registrou que seus pedidos de entregas quintuplicaram neste período saindo de 3 mil, antiga média semanal, para 15 mil. E o cadastro de novos entregadores antes da pandemia era em média de 150 novos por semana e agora, cerca de 1.800 novos profissionais têm se cadastrado. 

E se eu quiser desenvolver aplicativos de entrega?


O ramo de desenvolvimento de apps só tende a crescer daqui pra frente e a tendência é surgir cada vez mais novas oportunidades e ideias para se trabalhar na área. No entanto, para se criar um aplicativo desde o começo, muita coisa está envolvida e algumas atribuições são necessárias para atuar neste mercado, que apesar de novo, já conta com uma boa concorrência. Veja quais são elas e analise se há alguns pontos em que possa se aperfeiçoar:

 

  • Domínio técnico de programação: Para o pleno desenvolvimento de qualquer app, é fundamental que você tenha ampla compreensão de toda a parte técnica da linguagem do sistema operacional que for desenvolver, por exemplo, o Android exige que você conheça Java, Android Studio, Android Swift, C#/.NET, ASP.NET, Unity 3D, Volley ou outros; já o IOS exige Objective-C, Swift, Material Design, etc. Mas independente do sistema, é necessário que tenha pelo menos conhecimentos em Push Notifications, metodologias ágeis, inglês intermediário ou superior, autenticação (login e logout), certificados, integração de APIs e publicação de aplicativos (Google Play, para aplicativos Android, e Apple Store, para IOS).


 

  • Trabalhar bem em equipe: É necessário um trabalho de equipe para a criação de um app, por mais inteligente que o desenvolvedor seja, ele precisará de ajuda e será imprescindível delegar funções. Por isso, monte sua equipe e mãos à obra!


 

  • Ser multitasking: O mercado tecnológico não para. As atualizações são frequentes, as etapas do trabalho do desenvolvedor são muitas e este profissional precisa trabalhar em uma fase já pensando na próxima.


 

  • Ter raciocínio lógico e capacidade analítica: O raciocínio lógico se aplica muito na programação, que seria ideal ser aprimorada ainda na faculdade, de preferência e a capacidade analítica é algo que o profissional precisa ir desenvolvendo conforme analisa as coisas como um todo. Ouça opiniões e tire boas conclusões delas.


 

Quer seguir carreira profissional nesta área? Você pode assistir os Webinars mensais que  ensinam várias etapas para aprender como criar um aplicativo de entregas. E aproveitar essas ferramentas para ingressar no ramo agora mesmo!

[apss_share]

 

Outras Notícias

Câmara de Senador Canedo: Reinaldo Alves, herói ou vilão?
Suspeito de tráfico é preso com R$ 20 mil em cocaína, em Senador Canedo
Com mais um discurso político-eleitoreiro, Reinaldo Alves detona Divino e Laudeni Lemes
Coronavírus: espetáculo “A Paixão de Cristo” é cancelado em Senador Canedo
“O presidente colocou palavras na minha boca”, disse Marcelita Manze em sessão ordinária na Câmara
--->