Quinta, 20 DE janeiro DE 2022

Cerimônia marca a abertura da X Conferência Municipal de Assistência Social

O evento aconteceu no Espaço Fama nesta quarta-feira (04)

Publicado em:

5 de
set
Categorias: Cidade.

Foto/Reprodução

Na noite da última quarta-feira (04), a Prefeitura de Senador Canedo (por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania) realizou a cerimônia de abertura da X Conferência Municipal de Assistência Social.


O evento reúne a sociedade civil, equipe técnica ligada aos serviços de Proteção Básica (CRAS e SCFV) e Proteção Especial (CREAS), e demais organismos (como o Conselho Municipal de Assistência Social), para discutir o tema “Assistência Social, Direito do Povo, com Financiamento Público e Participação Social”.


Foto/Reprodução

A solenidade contou com a apresentação do Coral de idosos do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos. A apresentação magna foi realizada pelo Conselheiro Titular, representante da Associação Brasileira de Educadores de Deficientes, no segmento de Entidades e Organizações de Trabalhadores do SUAS (Sistema Único de Assistência Social), Professor Edvaldo da Silva Ramos.


Foto/Reprodução

Na ocasião foram expostos os 3 eixos que serão discutidos durante a Conferência. Estiveram presentes: o prefeito Divino Lemes, a secretária Lucivane Dionízio, representando a primeira-dama, Laudeni Lemes, o presidente da Câmara Municipal de Senador Canedo, Reinaldo Alves, os vereadores Betim e Denise Oliveira, o conselheiro Edson Silva, entre outras autoridades e lideranças comunitárias.



*Fonte: Prefeitura de Senador Canedo

Festival de Cinema Curta Canedo 2019 - inscrições abertas


[apss_share]

 

Outras Notícias

Câmara de Senador Canedo: Reinaldo Alves, herói ou vilão?
Suspeito de tráfico é preso com R$ 20 mil em cocaína, em Senador Canedo
Com mais um discurso político-eleitoreiro, Reinaldo Alves detona Divino e Laudeni Lemes
Coronavírus: espetáculo “A Paixão de Cristo” é cancelado em Senador Canedo
“O presidente colocou palavras na minha boca”, disse Marcelita Manze em sessão ordinária na Câmara
--->