Segunda, 17 DE janeiro DE 2022

Importância da limpeza de tártaro em cães

A higiene bucal é a melhor forma de prevenção contra o tártaro

Publicado em:

3 de
dez
Categorias: Blog.

A higiene bucal é a melhor forma de prevenção contra o tártaro

Quando se tem um animal de estimação, alguns cuidados se fazem necessários para manter a sua saúde e, consequentemente, sua qualidade de vida. Dar banho, fazer passeios e levar ao veterinário de tempos em tempos são alguns dos mais comuns.

O que muita gente se esquece é que a higiene bucal dos cães também é um cuidado super importante, inclusive para evitar o aparecimento do temível tártaro. A limpeza diária combate esse problema, mas, quando ele já se faz presente, a única solução é procurar por uma clínica veterinária especializada.

Hoje você vai conhecer um pouco mais sobre a importância de se manter uma higiene bucal do seu pet para evitar o tártaro e o que fazer quando ele aparecer. O ditado “prevenir é melhor do que remediar”, portanto, também vale para os cães.

O que é o tártaro?


Não são apenas os humanos que podem sofrer com tártaro: os cães também estão sujeitos a esse problema de ordem dental. O chamado cálculo dentário, mais conhecido como tártaro, é proveniente do acúmulo de placas que, posteriormente, se calcificaram nos dentes do animal.

Restos de alimentos, bem como minerais presentes na saliva, são os responsáveis pela formação das placas bacterianas. Seu desenvolvimento acontece principalmente durante o sono, quando o pet não está mastigando. O combo extra que facilita o surgimento dessas placas é o próprio PH alcalino da boca do animal.

Quando não há uma limpeza periódica dos dentes do cachorro, as placas bacterianas vão ficando endurecidas e mais difíceis de serem removidas com uma simples escovação. Daí é que surge o tártaro, caracterizado pelas manchas amarronzadas nos dentes e pelo mau hálito.

A limpeza de tártaro deve ser feita exclusivamente em clínicas e hospitais veterinários habilitados, já que normalmente o processo envolve anestesia. Essa pequena cirurgia usa um aparelho chamado ultrassom odontológico que consegue remover todas as placas bacterianas contidas nos dentes do animal.

Doença periodontal


A falta de higiene bucal unida ao aparecimento do tártaro faz com que um problema ainda maior apareça, a doença periodontal que inclui periodontite (perda de tecido ósseo) e gengivite (inflamação na gengiva).

Com a expansão do tártaro, outros danos acabam aparecendo em razão da ação de bactérias e da liberação de toxinas, e, consequentemente, o animal pode sofrer com a chamada retração gengival — que, além de provocar muita dor, deixa a raiz do dente totalmente exposta.

Num momento posterior, as bactérias começam a atacar os tecidos que auxiliam no suporte dentário, ocasionando na perda dos dentes. Se não tratado, o tártaro pode gerar um problema sistêmico, já que pode chegar ao sangue, carregando bactérias para todo o organismo do cachorro.

Hepatite, bronquite, fibrose pulmonar, endocardite, meningite e até mesmo artrite são algumas das várias doenças que podem aparecer por conta da formação de placas bacterianas.

Higiene bucal dos cães


Com essas informações fica mais claro entender porque fazer a higiene dos dentes do seu cachorro é tão importante. Agora, o próximo passo é adotar a escovação como algo diário ou que seja feito, pelo menos, três vezes por semana. Para a limpeza bucal dos cães você precisa de utensílios específicos para o pet.

As escovas devem ser anatomicamente compatíveis com o seu cão e extra macias. Há também os modelos de dedeiras que facilitam o nosso trabalho. A pasta usada também deve ser específica para cães, pois, além de ser mais atrativa para o seu pet, ela pode ser engolida sem maiores problemas.

O ideal é adotar a escovação dos dentes quando o animal ainda é filhote. Caso contrário, vá acostumando-o pouco a pouco. Primeiro, use apenas o dedo. Aos poucos, vá inserindo a escova, com cuidado para não assustar o animal. Por fim, faça a escovação com a pasta dental própria para pets.

A escovação deve ser feita na direção da linha da gengiva (tocando apenas nos dentes) com movimentos circulares. Vale a pena fazer a higiene antes de levá-lo para passear ou brincar, por exemplo, gerando uma associação entre a escovação e uma posterior recompensa — o que vai facilitar, e muito, o seu trabalho.
[apss_share]

 

Outras Notícias

Câmara de Senador Canedo: Reinaldo Alves, herói ou vilão?
Suspeito de tráfico é preso com R$ 20 mil em cocaína, em Senador Canedo
Com mais um discurso político-eleitoreiro, Reinaldo Alves detona Divino e Laudeni Lemes
Coronavírus: espetáculo “A Paixão de Cristo” é cancelado em Senador Canedo
“O presidente colocou palavras na minha boca”, disse Marcelita Manze em sessão ordinária na Câmara
--->